CIRURGIA ESPIRITUAL (Em novo Site)
Acessar >>
Portal Espirita
 
   Portal Espirita L.E.M.A.
    Legião Espiritual e Material de Ajuda
    Desde Janeiro de 2000

 


Membros
      Mapa   Mapa
 Dicionario Espirita :
Indice
Inicio
Contato Interno
lbum de encontros
Comunidade MSN
Autor
Oratrio
Grupo de orao
Rdio
Radio Espirita

Radio em nova janela
 
Livros p/ Download

Livros Download 

INDICE DE SEES
: : Transio planetria
: : Filmes Espiritualistas
: : Casas espiritas
: : Livros espiritas
: : Temas
: : Curisosidades
: : Especiais
: : Estudo de Casos
: : Relatos
: : Colunistas
Portal Espirita
 



 

T

 

Taccnesia - Movimento paranormal de objetos ao contacto das mos, como no caso do copinho sobre uma cartolina ou um quadrante contendo letras.

Talism do grego talesma - Objeto a que se atribui poderes mgicos; amuleto, fetiche.

Tanatofania -do gr. thanatus - + phanos - glria. Teoria que explica todos os fenmenos paranormais atravs da atuao de desencarnados. Fanatismo pelos mortos.

Tanatofobia -do gr. thanatus - morte - phobos - averso + suf.. Averso pelos mortos.

TCI -sigla de Trancomunicao Instrumental. o sistema pelo qual se usa aparelhagem especfica para se entrar em contacto com o domnio espiritual e dele receber mensagens ou comunicaes

Tangibilidade do latim tangibile + -idade - Qualidade do que tangvel, que pode ser tocado, apalpado ou sentido.

Taumaturgo do grego thauma, thaumatos + ergon - Diz-se daqueles que, com ou sem razo, se vangloriam de ter o poder de produzir fenmenos fora das leis da natureza.

Tautologia do grego tautologa - Vcio de linguagem que consiste em dizer a mesma coisa de vrias maneiras. Repetir idias com formulaes diferentes.

Tesmo do grego tes + -ismo - Doutrina que admite a existncia de um deus, fora causal do mundo.

Tela panormica - Viso espiritual das cenas vividas pelo que as v. So os casos de memorizao preagnica, de conhecimento dos motivos pelos quais o Esprito esteja sofrendo determinadas agruras. O fato pode ocorrer tambm em sesses medinicas onde o Esprito manifestante levado a ver sua situao ou o que lhe aguarda ante sua atitude presente.

Telecinesia -do gr. tele - ao longe + knetos - movimento + suf.. Fenmeno provocado pelo comando mental distncia capaz de fazer com que objetos se movam. um caso particular da Psicocinesia. H autores que julgam que a telecinesia tambm possa ser provocada por um mdium sob influncia de uma Entidade espiritual e que, neste caso, seria uma ocorrncia peculiar ao mediunismo.

Telecinesia motora - Nome imprprio dado por J. Maxwell lucidez.

Telecinsico - Relativo telecinesia.

Telediplosia -do gr. tele - distncia + diplos - duplo + suf. Formao da imagem do duplo do sensitivo dando a sensao de ubiqidade.

Telefania -do gr. tele - distncia + phanos - fania. Conceito errneo de apario espiritual durante o sono.

Telegnomia -do gr. tele - longe + gnomn - indicador. Confunde-se com criptestesia pragmtica e, por vezes, com metagnomia.

Telegnosia -do gr. tele - distncia + gnosis - conhecimento. Percepo das coisas distncia.

Telegrafia humana - Comunicao a distncia entre duas pessoas vivas, que se evocam reciprocamente. Ver: Telepatia.

Telepatia do grego tel + paths - Transferncia de idias, imagens ou sensaes de pessoa para pessoa, sem o emprego dos sentidos conhecidos. Kardec usou a expresso telegrafia humana, significando a comunicao distncia entre duas pessoas vivas, que se evocam reciprocamente. Esta evocao provoca a emancipao da alma, que vem se manifestar e pode comunicar seu pensamento pela escrita ou por qualquer outro meio. Comunicao pelo pensamento sendo que as pessoas podem estar distantes fisicamente. Os desencarnados s se comunicam por telepatia embora possam, por necessidade ou condicionamento mental, usar a boca para falar uns com os outros. Kardec usou o termo "comunicao distncia". Telepatia um termo da Parapsicologia

Teleopsia - Nome dado por Boirac clarividncia, mediante suas explicaes, sem qualquer objetividade e sem uso.

Telepata - Sensitivo que tem o dom da telepatia.

Telepatia -do gr. tele - distncia + paths - paixo. Fenmeno semelhante ao do radar, onde o sensitivo envia suas ondas mentais que captam o pensamento, distncia, de outra pessoa, trazendo-o de retorno mente do sensitivo para que este faa sua leitura. Ela classificada em diversos casos, a saber: espontnea, experimental, precognitiva, retrocognitiva e Temporal. Faz parte dos fenmenos ditos extrassensoriais. Difere da transmisso do pensamento porque este envolve o emissor e o receptor simultaneamente.

Telepatia acoplada - Foi idealizada por astrnomos ingleses com o fito de enviar ondas telepticas para o Espao sideral a fim de ver se estas voltavam trazendo informes de vibraes extraterrenas. As ondas telepticas foram acopladas a raios catdicos.

Telepatia espontnea - Ocorre quando o telepata capta algum pensamento sem prvia combinao com o que pensou.

Telepatia experimental - a denominao dada aos espetculos de telepatia onde o telepata, de comum acordo com um parceiro a ele afeito, realiza o fenmeno com maior facilidade, porque o pensamento a ser captado o do parceiro e no a do espectador.

Telepatia precognitiva - O telepata antecipa-se ao pensamento do outro, antedizendo-o.

Telepatia retrocognitiva - O telepata alcana pensamentos passados e j esquecidos pelo pensante.

Telepatia temporal - H uma enorme diversificao a respeito do que seja; para alguns, confunde-se com a clariaudincia e a clarividncia ou a telepatia com escuta de sons e viso de imagens.

Teleplasma - Nome dado ao ectoplasma por alguns experimentadores, sugerido pela equipe de W. Crookes, referindo-se ao que se desprendeu do mdium para efetuar o fenmeno.

Teleplasmar - Moldar com o teleplasma.

Teleplasmia - Diverge da ectoplasmia porque s envolve o fenmeno ectoplsmico de formas.

Teleplastia - o mesmo que materializao de Espritos.

Telepsiquia - Caso especfico da sensibilidade distncia que pode ser ativa, quando o sensitivo emite suas vibraes e passiva no caso do percipiente que as recebe.

Telergia -do gr. tele - distncia + ergn - trabalho + suf.. Caso em que o sensitivo realiza uma ao distncia, percebida pelos que estejam no local.

Telestesia -do gr. tele - ao longe + aisthsis - sensibilidade + suf.. Percepo distncia da realizao de fenmenos paranormais. Inicialmente, quando Myers criou o termo, ele prprio no soube defini-lo, seno explicar a ocorrncia.

Telestesia anmica - Modo pelo qual Anastay definiu a transmisso do pensamento.

Telestesia espirtica - Fenmeno telestsico sob influncia de Entidades espirituais.Anastay

Telestesia personstica - Faculdade paranormal em que os prprios percipientes so tambm os realizadores do fenmeno, como a Psicometria, a Previso e a Lucidez.Anastay

Telestesia retrognitiva - Capacidade de retroao no fenmeno telestsico.

Tempo - Na Espiritualidade, o conceito de tempo diverge do que se tem na Terra. Relativamente ao conceito sideral, o tempo um parmetro de posio na expanso csmica e, como tal, uma grandeza vetorial, isto , orientada. Como tal, o tempo pode sofrer dilao decorrente do sistema galctico. O tempo se confunde com a disposio sideral dos astros e define o grau de expanso do Universo, expanso esta criticada por alguns cientistas.

Teocentrismo -do gr. thos - Deus + kntron - centro + suf.. Doutrina que tem Deus como o centro de tudo. Como soberano Criador.

Teocracia -do gr. thos - Deus + kratein - poder, autoridade. Antiga doutrina grega que admitia a superioridade de Zeus sobre os demais deuses e estes com poderes superiores aos dos homens. Corrente filosfica que admitia uma ntima ligao da alma com Deus em contemplao, gerando o neoplatonismo. No Judasmo, sistema que admite Jeov como soberano do povo, considerando seus adeptos superiores aos demais.

Teodicia -do gr. thos - Deus + dik - justia. Doutrina metafsica que procura justificar a justia Superior. Seu principal autor Leibnz, criador do termo. A Teodicia procura aliar os conceitos de oniscincia divina e seus dogmas com a suprema bondade . Parte da metafsica que trata de Deus, sua existncia, atributos e predicados.

Teofania -do gr. thos - Deus + phanos - manifestao. Apario ou revelao de uma divindade.2. Manifestao de Deus em um local ou pessoa. Para o Cristianismo, o nascimento de Jesus considerado Cristo ou Deus.

Teofobia -do gr. thos - Deus + phobos - averso. Horror s coisas consideradas divinas. Ateu fantico.

Teogonia -do gr. thos - Deus + gena - origem, gerao. Mitologia. Doutrina relativa s origens dos deuses, de um modo geral, ligada formao do mundo. Deve-se a Hesodo seu estudo, no trabalho Genealogia dos Deuses.

Teognico - Referente Teogonia.

Teologal - Que pertence teologia.

Teologia do grego theologia - O estudo racional dos textos sagrados, dos dogmas e das tradies do Cristianismo. Estudo das questes referentes ao conhecimento da Divindade, de seus atributos e relaes com o mundo e com os homens, e tambm com a verdade religiosa.

Teologia asctica -v. ascetismo. Descreve as paixes, as virtudes e os vcios, bem como os meios de conciliao.

Teologia dogmtica -v. dogmatismo. Define e demonstra as verdades religiosas crists pela crena.
Teologia escolstica - Aplica a razo filosfica crist para os estudos teologais.

Teologia mstica -v. misticismo. Preocupa-se com o caminho que leva a alma a Deus.

Teologia moral - Prega os costumes segundo os evangelhos bblicos.

Teolgico - Relativo Teologia.

Telogo - Aquele que estuda e prega a Teologia.

Teomancia
-do gr. theosmanteia. Divinizao atravs dos orculos.

Teomaquia -do gr. theosmachia. Mitologia. O combate travado entre deuses e suas disputas.

Teonomia -do gr. thos - Deus + nomos - lei. Neologismo proposto pelo autor para definir a parte doutrinria que tem o fito de estudar os conceitos religiosos e a interligao com o Criador Supremo atravs da Fsica, de seus postulados e conhecimentos acerca do Universo.

Teoria do grego theora - Conhecimento especulativo e meramente racional. Conjunto de princpios em que se funda uma cincia ou uma arte. Hiptese, suposio.

Teosofia -do gr. thos - Deus + sophia - saga. Doutrina atribuda a Paracelsus, que tem por objeto o conhecimento de Deus atravs da natureza, ou seja, da sua criao. Bohme, Valentin, Weigel, Swedenborb, tinger, Saint Martin e Baaden foram seus precursores, nascendo, de seus estudos, o neoplatonismo moderno, o bohemenismo, o gnosticismo, etc. e, finalmente, com a senhora Blavastsky o ocultismo.


TerceiraRevelao - O Espiritismo considerado a terceira revelao das leis de Deus Terra. A Primeira Revelao foram os 10 Mandamentos transmitidos por Moiss. A Segunda Revelao foi o Evangelho ou as lies de Jesus. A Terceira Revelao um trabalho conjunto de pessoas e Espritos que deu origem nossa Doutrina.

 

Terminologia do latim terminu > termo + log(o + -ia - Conjunto de termos prprios de uma arte ou cincia; nomenclatura. Emprego de palavras peculiares a uma pessoa, a uma regio, a uma religio, etc..

Terra do latim terra - O terceiro planeta do sistema solar, pela ordem de afastamento do Sol. Solo em que se anda; superfcie slida do globo. Localidade, lugar. Crosta planetria.

Terreiro do latim terrariu - Relativo a trreo, terrestre. Local de culto do sincretismo afro-brasileiro, onde exteriorizado seus rituais, e que no pode ser confundido com centro esprita.

Tese do grego thsis, pelo latim these - Proposio exposta para, se contestada, ser defendida; afirmao que no vale por si e precisa de defesa. Estudo para ser discutido e defendido em pblico, especialmente nos estabelecimentos de ensino superior e mdio.

Testamento do latim testamentu - Ato jurdico pelo qual algum dispe de seu patrimnio, total ou parcialmente, para depois de sua morte. Aliana ou contrato feito com Deus por Moiss - Velho Testamento, ou por Jesus - Novo Testamento. Legado, concesso.

Tiptocinesia -do gr. typtein - tipo, batida + knsis - movimento + suf.. Batidas paranormais para marcao de letras e formao de palavras, feita com objetos.

Tiptologia do grego tupt + logos + -ia - Linguagem por pancadas; modo de comunicao dos Espritos. Tiptologia alfabtica. Ver: Sematologia.

Tiptlogo do grego tupt - Variedade dos mdiuns aptos tiptologia. Mdium tiptlogo.

Tiptologia ectoplsmica - o fenmeno em que o Esprito no usa nenhum objeto para bater.


Tolerncia do latim tolerantia - Termo de origem jurdica aplicado primeiramente coexistncia dos catlicos e protestantes. Palavra que significa a aceitao de qualquer modo de pensar e de agir diferente do nosso.

Tomado - Diz-se de um mdium em transe, com um Esprito se manifestando por ele.

Txico do grego toxikn, pelo latim toxicu - Substncia que causa dependncia e que pode envenenar o organismo humano; droga.

Toribismo -do ingl. Throby - pulso, batida + ismo. Forma pela qual Sudre definiu os fenmenos de assombrao.

Trabalho, Lei de - Lei de Deus que diz que todas as criaturas tm necessidade de agilizar e desenvolver seus potenciais em atividades diversas para progredirem. A estas atividades chamamos de trabalho, que pode ser material ou mental. Estando encarnados ou desencarnados, os Espritos precisam trabalhar. A natureza do trabalho est de acordo com as suas necessidades. Por exemplo: os animais trabalham por sua sobrevivncia e de sua prole

Transcendncia do latim transcendentia - Qualidade ou estado de transcendente. Conjunto de atributos que ressaltam a superioridade do Criador em relao criatura.

Transcendental do latim transcendente + -al - Que transcendente, elevado, superior, excelso, sublime. Tudo o que ultrapassa a capacidade normal de conhecimento. Metafsico, o que vai alm dos limites da experincia material.

Transcendente do latim transcendente - Que transcende, ultrapassa, excede, vai alm. Elevado, superior, sublime, excelso. Que ultrapassa os limites da experincia possvel e da capacidade de conhecer. Ver: Metafsico.

Transcomunicao do latim trans + comunicatione - Comunicao com desencarnados realizada atravs de aparelhos como mesas girantes, e de instrumentais eletrnicos como gravador, rdio, televiso, computador.

Transe do francs transe - Estado de inconscincia ou semiconscincia em que se verificam diversos fenmenos psquicos ou medinicos.

Transes estticos - So aqueles em que o sensitivo se apresenta em estado de passividade. Destacam-se: apsiquia, catalepsia, dessensibilizao anestsica, letargia e sono paranormal.

Transe hipntico - o em que o sensitivo se deixa condicionar pelo hipnotizador.

Transe medinico - Ocorre sob ao de um desencarnado que atua sobre o mdium fazendo-o ficar sob sua ao, a fim de realizar os ditos fenmenos espirticos.

Transfigurao -do latim - transfigurare. Transformao paranormal da aparncia do mdium sob ao de um Esprito manifestante, apresentando a fisionomia deste, ou traos dela.

Transformao moral - Progredir, tornar-se uma pessoa melhor procurando viver em harmonia com o que aprende e consigo mesma, diminuindo as iluses e as mentiras e aumentando a auto-observao

Transmigrao do latim trans + migratione - Ato ou efeito de transmigrar(-se, a passagem do Esprito de um corpo para outro. Ver: Metempsicose, Reencarnao.

Transmisso do pensamento - o fenmeno que ocorre entre duas pessoas sensitivas onde uma transmite e outra capta, por vezes, de forma involuntria, o pensamento emitido pela primeira. Estudos j admitem que esse fenmeno possa ocorrer entre animais e entre animal e homem, com o bicho pensando para que seu dono entenda o que ele quer ou, ento captando o desejo de seu amo sem que ele precise do comando.

Transmutao do latim transmutatione - Para a Biologia, a formao de novas espcies atravs de mutaes. Mudana de um elemento qumico em outro, como acontece quando o Esprito levado a reencarnar em planeta diferente, e seu perisprito trocado, transmudando-se, para se adequar ao quimismo do novo ambiente.

Transporte do latim trans + portare - Ato ou efeito de transportar, deslocar, conduzir. Faculdade de efeito fsico pela qual os Espritos podem transportar objetos de um lugar para outro.

Transposio dos sentidos - Como o nome indica, trata-se da percepo de um fenmeno por um sensrio no correspondente, ou seja, ver pelas pontas dos dedos, ouvir pela boca, etc.

Transtorno mental - Doena mental provocada por diversas causas.

Trauma do grego trama - Na terminologia psicanaltica, significa leso provocada na psiqu em resultado de experincia que pode ter sido agradvel ou desagradvel em si mesma.

Trespasse -de trespassar. bito, falecimento, desencarne.

Trevas do latim tenebra - Escurido absoluta. Conforme informa o Esprito Andr Luiz, as regies mais inferiores conhecidas no Mundo Espiritual.

Tribuna do latim tribuna - Local para os oradores falarem. Plpito.

Trimurti -do snscrito. Trilogia hindu que inspirou a Santssima Trindade crist, compreendendo Brahma - a criao; Vichnu - a personificao; Xivaou iva - a transformao, que identificam as trs energias do mundo vindo se personificar no trptico definido por Krishna, Ysu e Brahma.

Triplosia - Materializao simultnea de trs Entidades espirituais.

TTN - Forma pela qual foram designadas certas experincias telepticas.

Turbao dos sentidos - Fenmeno que, como o nome indica, faz com que a pessoa ou o desencarnado fique em estado alterado, com os sentidos tolhidos em decorrncia de uma srie de motivos, destacando-se acidentes contundentes, comoes, abalos, etc. No caso do recm desencarnado, comum o fenmeno, at que ele se reencontre na Espiritualidade.


 Comentários (Total: 11 )

Em primeiro lugar, minha saudação a todos os Irmão Esprita Kardecistas.
Por favor solicito um informação, quando se tem um objeto de uma pessoa podemos, indicar onde a pessoa se encontra, por incrvel que pareça esqueci o nome da referida mediunidade, não lembro se é telemetria, eu possua o livro porém a mudar para Nova Iguaç RJ, doei tanto os livros dos mediuns, O Céu e o Inferno, Obras Ptumas, O que é Espiritismo, e o livro qual falava do referdo assunto.
Sem mais me despeço, e que Jesus na sua infinita bondade cubranos com seu manto dePaz.
Att: RuyLFreitas

oi...sou a Lara...desde qdo tinha uns 9 anos vi um homem (espirito ) com um cachorro do lado, parecia um santo....depois comecei a ver outros espiritos, desde então frenquento o centro espita queria saber pq.....tenho esse tipo de mediunidade......e pq vejo........hoje tenho 23anos......como faço para ver e não ter medo.......pq..ser que vi esta santo....era tão engraçado que se eu quisesse eu relava nele .

obrigada!!!!!     me responde porfavor...


Boa tarde.
A minha Dvida é sobre minha mediunidade, sinto as entidades porém na hora pratica da reunião mediunica , fico pensando que todas as comunicações que dou são do meu proprio espirito. Fico mto insegura, por causa disso devo me afastar da mediunica?
Muito obrigada.


Boa Tarde !
vem acontecendo algumas coisas estranhas aqui em casa , eu e minha nora temos sentido a presença de vultos, eu particularmente sempre os sinto na porta da cozinha, é uma sombra branca parada , me observando. Na sexta feira passada ficamos muito assustados, tenho um abajur de chão que se afastou sozinho meio metro de onde estava e então começou a balançar de um lado para o outro, ´perguntei ao meu filho se o gato estaria afiando as unhas nele, mas não havia ninguém , , bem o caso é que vi o objeto se arrastar em linha reta. em casa tudo anda atravancado, os negocios não fluem pra ninguém, eu e meu marido estamos falidos, estamos recebendo ajuda de amigos até pra comida. Por favor me ajude a entender o que est acontecendo, meu filho tbm anda com comportamento estranho e agressivo, o que devo fazer ? obrigada pela atenção


Não sei ao certo, estou com medo. Mas acho que sou medium, telepata em geral e telesinético. Tenho vrias dvidas, principalpente porque quando fico furioso não controlo e tudo fica mais poderoso do que eu. E dias atrs eu e meu irmão vimos uma mulher de branco correndo (ou flutuando, não sei ao certo) entre arbustos na chcara onde moro. Ajudem-me


Por vezes tenho a sensação que estão falando de mim, sinto uma sensação esquisita na boca do estomago e j penso: Estão falando de mim. Muitas vezes aps algumas horas recebo alguma notcia, geralmente não boas. possvel ocorrer? E se for pode alguém estar pensando em mim com carinho? Como faço para descobrir quem est pensando em mim. Agora est demorando para passar, hoje fiquei vrios minutos tentando fazer uma pesssoa pensar em mim. Dizendo pense em mim, pense em ns, eu preciso de você, essa pessoa não quer falar comigo. Poderia ser ela? A sensação s veio horas depois.


Visitei uma mulher que le cartas, francamente nunca havia acreditado nisso, nunca levei a sério. Mas essa mulher começa falando nomes de pessoas que a gente conhece, coisas que ninguém além de mim poderia saber, nomes de parantes, marido, namorado, coisas sobre nossas vidas. Como é possvel? A sensação é que ela est em transe ou coisa parecida pois, fica se balançando o tempo todo. Chequei a pensar que poderia ser algum espirito fazendo brincadeiras. Inclusive ela falou de meu irmão desencarnado que estava l, contou coisas sobre ele, sobre seu acidente e que ele diz que precisa falar comigo. Ela me orientou a ir a um Centro esprita. O que faço? Ela pode ter esse poder de ver tudo isso. E sobre meu irmão Eduardo que faleceu em 04/11/2000 ser  que ele quer se comunicar comigo. Meu nome é Eliane Gonçalves dos Santos data nas 30/01/1969


"Toda pessoa que sente a influencia dos Espiritos,em qualquer grau de intensidade,e medium.Essa faculdade e inerente ao homem.por isso mesmo nao constitui privilegio exclusivo,e sao raros  as pessoas que nao possuem pelo menos em estado rudimentar.pode-se dizer,pois,que todos sao mais ou menos mediuns" O livro dos mediuns-cap.XIV,item 159.


Terminei com meu ex faz oito anos,ele ja esta casado e eu tbm....Mas sempre quando penso nele ou sonho,fico com uma saudades imensa,e sempre quando isso acontece ele me liga,tbm falando que esta morrendo de saudades...Acho estranho pq é so pensar nele que ele me liga...
O que isso significa...

Obrigada


Terminei com meu ex faz trinta e sete anos,ele esta casado e eu tbm....Mas  agora depois desse tempo todo voltei a sonhar com ele,e quando penso nele ou sonho,fico com uma saudades imensa,ser que ele est pensando em mim depois desse tempo todo...sentindo saudades...

 O que isso significa...estou afita me ajude por favor!


  Sou casada h 10 anos, tenho um casal de filhos lindos , meu marido é muito companheiro ,mas sempre penso no ex namorado que conheci h 20 anos .Durante 9 anos tivemos vrias recadas , mas resovi tentar um relação mais segura  .Nunca mais conversamos e quando nos vemos sinto o mesmo sentimento de anos atrs e percebo que ele sente o mesmo sentimento.NÃO quero pensar nele e sinto que temos pendências dessa vida e outras vidas

Me ajude por favor


Caros irmos, a partir de 30/10/10 novo sistema de comentarios.


   Visitas: 59506
Comentrios: 0
Envio: 30Set201120:10
Autor(a): admin
Cmara aprova Dia Nacional do Espiritismo
   Visitas: 55924
Comentrios: 0
Envio: 27Jul201116:31
Autor(a): admin
   Visitas: 106405
Comentrios: 41
Envio: 30Set200815:17
Autor(a): admin
Deus no te Fez para sofrer!
   Visitas: 110898
Comentrios: 63
Envio: 28 Dez 2007 11:00
Autor(a): admin
Eu fiz 5 mil abortos - Aborto
   Visitas: 89229
Comentrios: 24
Envio: 19 Mar 2007 18:43
Autor(a): admin
Como doar sem ter?
   Visitas: 97776
Comentrios: 66
Envio: 25 Out 2006 15:20
Autor(a): admin
Sem aceitar o sofrimento, no encontramos a felicidade
   Visitas: 130376
Comentrios: 149
Envio: 9 Abr 2006 13:25
Autor(a): admin
Suicidio
   Visitas: 121532
Comentrios: 53
Envio: 7 Abr 2006 16:53
Autor(a): admin
Planejamento Reencarnatrio
   Visitas: 96973
Comentrios: 6
Envio: 24 Fev 2006 15:49
Autor(a): admin
Recriando o paraiso na terra
   Visitas: 135993
Comentrios: 69
Envio: 20 Fev 2006 10:35
Autor(a): admin
Introduo
   Visitas: 116642
Comentrios: 77
Envio: 19 Fev 2006 20:52
Autor(a): admin
Mensagem de Ashtar Sheran Terra
   Visitas: 109055
Comentrios: 62
Envio: 19 Fev 2006 20:39
Autor(a): admin
As contradies da Biblia
   Visitas: 59506
Comentrios: 0
Envio: 30Set201120:10
Autor(a): admin
Cmara aprova Dia Nacional do Espiritismo
   Visitas: 55924
Comentrios: 0
Envio: 27Jul201116:31
Autor(a): admin
   Visitas: 106405
Comentrios: 41
Envio: 30Set200815:17
Autor(a): admin
Deus no te Fez para sofrer!
   Visitas: 97952
Comentrios: 14
Envio: 21 Apr 2008 11:04
Autor(a): admin
Porque pais matam filhos
   Visitas: 78200
Comentrios: 12
Envio: 22 Dez 2007 05:31
Autor(a): admin
Florilgio Natalino
   Visitas: 112032
Comentrios: 66
Envio: 5Nov200609:42
Autor(a): admin
Evangelho no lar
   Visitas: 116828
Comentrios: 52
Envio: 4 Nov 2006 08:50
Autor(a): admin
Tragdias coletivas: por qu?
   Visitas: 84163
Comentrios: 15
Envio: 21 Jun 2006 23:28
Autor(a): admin
Doena - como enfrentar?
   Visitas: 88233
Comentrios: 13
Envio: 28 Mai 2006 19:34
Autor(a): admin
Divulgao da doutrina - O Dever da Propagao
   Visitas: 90148
Comentrios: 39
Envio: 19 Abr 2006 17:52
Autor(a): admin
Carinho, Porque e quanto pagar por ele?
   Visitas: 96564
Comentrios: 28
Envio: 24 Fev 2006 18:11
Autor(a): admin
A dor de Jesus
   Visitas: 90247
Comentrios: 11
Envio: 20 Fev 2006 11:25
Autor(a): admin
Splica
   Visitas: 86625
Comentrios: 9
Envio: 20 Fev 2006 11:23
Autor(a): admin
T me capturaste, Senhor
   Visitas: 22161
Comentrios: 15
Envio: 30?Jan?2006?23:37
Autor(a): admin
Sananda: Sua histria atravs de Ashtar Sheran e Athena